Novidades RSS

Por Paulo Lima Existiu (ou ainda existe, talvez) um folclore no Brasil afirmando que “Caipirinha boa tem de ser feita com cachaça vagabunda!” A frase é tão folclórica e factível quanto “nana, neném, que a Cuca vem pegar...” A verdade é que toda receita fica melhor se você usar ingredientes de boa qualidade. Uma caipirinha será sempre superior quando feita com uma cachaça bem destilada, em vez de uma bebida obtida por meio de processos químicos – da mesma forma que um espaguete ao sugo ficará melhor com tomates frescos bem selecionados e alho picado na hora do que com...

Saiba mais

Ser mãe e ser uma mulher que gosta de frequentar bares parece incompatível. As leis sobre a permanência de menores nos bares é dúbia, muitos apontam que é o estabelecimento o responsável por colocar limites de horário para as mães com seus bebês. Será que somos mesmo nós que precisamos dizer a hora que a mulher deve ir para casa?  Uma de nossas clientes marcou um happy hour com as amigas, para comemorar uma conquista profissional  e levou seu pequeno de um ano e pouco junto. Pediu uma cerveja e um suco para o bebê, que levamos em um copinho de...

Saiba mais

Encontramos Eugênia depois do término do namoro com Simone. Explico melhor. Ao pensar em um nome para o nosso bar, pensamos em Simone: um nome de mulher forte, inteligente, icônica. Mas logo a Simone de Beauvoir que representava nosso desejo de um espaço feminista se transformou na Simone do Natal. Mas porque Simone, perguntavam as pessoas. Vai ser um bar de esportes? Vai ter televisão? Todas essas dúvidas logo nos enquadraram na importância de uma comunicação clara e na força do conceito. Se um lugar se chama Simone, no Brasil as pessoas pensam na Simone jogadora de basquete, que virou...

Saiba mais